20 julho 2009

the legendary tiger man - "femina" (2009)

É por musiquinhas destas que acredito muito na musica portuguesa feita em portugues ou em estrangeiro... não interessa!... interessa isso sim (e muito, digo eu) o talento.

Espero o novo do Tiger Man... com a ânsia de quem espera a Asia Argento... para jantar.

Aqui fica o avanço "Life Ain't Enough For You"... (Será que a Asia gosta de empalhadas na bruxa?...)

Legendary Tiger Man "Life Aint Enough For You"

16 julho 2009

sons pardos na terranova

Estão todos convidados a ouvirem o próximo "Sons Pardos" entre as 23h e as 24h de 16.07.2009 na radio terranova da grande mãe de todas as gafanhas: A Nazaré! Aos comandos Herr Schwartz, Red Tie e Trigger Hippie.

Ouçam. A compilação surgirá depois aqui em download!

www.terranova.pt

Ouçam em podcast os programas anteriores aqui:

http://eltrio.podomatic.com/

Agradeço a presença de todos.

14 julho 2009

joy division - ceremony (1981)

Musicas que marcam uma vida em duelos de titãs!...

Ponto de vista do Slowcore dos Galaxie 500:



Ponto de vista do Alternative Rock dos Radiohead:



Ponto de vista do New Wave Synthpop dos New Order:



Questão... qual a melhor versão do original dos enormes Joy Division?

11 julho 2009

U2 em Barcelona

Uma multidão entre 80 a 90 mil pessoas, o estadio do actual campeão europeu e aquela que muitos chamam a maior banda rock do mundo. Vê-se nas caras que a ansiedade é alguma mesmo se é facil perceber que quase todos ja tiveram a sua primeira experiencia U2. Os Snow Patrol, banda suporte não entusiasmam, mas são mesmo assim bem recebidos, afinal é sinal que já falta pouco...

Quando as luzes se apagam, depois de 'Space Oddity' de Bowie, eles ocupam aquilo a que Bono chama de 'space junk', o fabuloso palco que deu à digressão o nome de 360º. Porque é redondo e porque...roda! Para além disso tem o melhor ecra que alguma vez vi e que ainda por cima consegue tomar varias formas e aparencias durante o espectaculo, do qual é parte importante.
Mas o mais importante continua a ser Bono, Edge, Larry e Adam, os 4 irlandeses e as suas musicas. Sem ser o meu alinhamento de sonho (apenas 2 de Achtung Baby, uma a surpresa da digressão, Ultraviolet), o show tem um precioso equilibrio entre as faixas do novo album(7), os sucessos do novo milenio ( Beautiful Day, City of Blinding Lights, linda com todas as cores no ecra expandido, ou Vertigo, que pareceu ser a musica que mais diz aos espanhois) e os grandes sucessos do passado. Foi um sonho concretizado gritar bem alto 'Desire', ouvir 'Where The Streets...' ou arrepiar ao som de 'One'. Foi uma surpresa ouvir 'Party Girl' e ver uma rapariga segurar Bono ao colo! Foi bonito ver a empatia entre publico e banda, o prazer estampado nas faces, mesmo daquele parvalhão junto a nos que parecia não gostar muito de Portugal, talvez porque Cristiano assinou pelo outro clube....
2h20 depois, com 'Moment of Surrender' , uma das melhores do novo album, o publico estava de facto rendido a esta grande banda, que como ao longo de toda a sua carreira faz a diferença ao vivo, com toda a sua pujança, a sua mensagem, a sua entrega. Quase me cairam lagrimas no inicio mas segurei-me e agora espero por eles ca no proximo ano. Afinal de contas faltam ouvir muitas outras e o alinhamento não é sempre o mesmo...
Nas colunas ouve-se 'Rocket Man' de Elton John...Mas espero não ser preciso um 'Long Long Time...'

02 julho 2009

Versus - Time to Pretend

MGMT:



Kaiser Chiefs: